5 mins read

O que é o Reurb?

Como funciona o processo de Reurb?

Modalidade de REURB

Aplica-se aos núcleos urbanos informais ocupados predominantemente por população de baixa renda, assim declarados em ato do Poder Executivo municipal. Estas pessoas receberão gratuitamente o registro do imóvel e toda a infraestrutura básica por conta do Poder Público.
Em cache

Quando cabe Reurb?

A Reurb poderá ser promovida por loteadores e incorporadores que deram origem aos núcleos urbanos informais, sem prejuízo das sanções cabíveis (penais, cíveis, administrativas), decorrentes de irregularidades no loteamento ou na incorporação, em desacordo com a Lei nº 6.766/1979.

Para que a Reurb foi criada?

A REURB foi criada para solucionar casos de loteamentos, condomínios e aglomerados urbanos que estão em situação irregular, ou seja, que não possuem registro, apenas contratos particulares de compra e venda.

Quais são as modalidades de Reurb?

Conforme previsto no artigo 13, incisos I e II, da Lei 13.465/2017, existem duas modalidades de Reurb: a de interesse social (Reurb-S) e a de interesse específico (Reurb-E).

Quais profissionais podem fazer Reurb?

Podem requerer a REURB apenas as organizações da sociedade civil de interesse público ou outras associações civis que tenham por finalidade atividades nas áreas de desenvolvimento urbano ou regularização fundiária urbana.

Quais são as fases da Reurb?

13.465/2017, as fases da REURB são: Fase 01 – Requerimento do(s) legitimados (s); Fase 02 – Processamento do pedido; Fase 03 – Análise do Projeto de Regularização Fundiária (PRF);

Quanto tempo demora um processo de Reurb?

E o processo, na maioria dos casos, não costuma ser concluído antes de doze meses. Pelo REURB, é feito apenas um levantamento, porém incluindo todos imóveis daquele núcleo. E também é feita apenas uma entrada na Prefeitura e no Cartório, juntamente com outros participantes do programa.

Como começar um processo de Reurb?

Abrir uma matrícula para o núcleo urbano informal consolidado, caso já não exista; Averbar a ocorrência nas matrículas atingidas pela Reurb; • Registrar a Certidão de Regularização Fundiária; • Abrir matrículas para as unidades regularizadas; • Registrar os títulos expedidos em favor dos ocupantes, quando for o caso.

Como iniciar uma Reurb?

Abrir uma matrícula para o núcleo urbano informal consolidado, caso já não exista; Averbar a ocorrência nas matrículas atingidas pela Reurb; • Registrar a Certidão de Regularização Fundiária; • Abrir matrículas para as unidades regularizadas; • Registrar os títulos expedidos em favor dos ocupantes, quando for o caso.

Quais áreas não se aplica a Reurb?

Já na legitimação de posse foi reconhecido a posse de imóvel objeto da Reurb, não se aplicando aos imóveis urbanos situados em área de titularidade do Poder Público, podendo, ainda, ser transferida por causa mortis ou por ato inter vivos.

Quanto cobrar para fazer Reurb?

É preciso haver formas e condições de pagamento que viabilize a venda e compra da REURB. Se no estudo de viabilidade econômica e financeira do seu projeto de REURB, entende que deve cobrar R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais) por lote, pronto!

Quanto tempo demora para sair o Reurb?

Neste processo é comum que o interessado gaste entre R$4.000,00 a R$5.000,00 com todos custos envolvidos. E o processo, na maioria dos casos, não costuma ser concluído antes de doze meses.

Quem se enquadra na Reurb e?

Podem requerer a REURB apenas as organizações da sociedade civil de interesse público ou outras associações civis que tenham por finalidade atividades nas áreas de desenvolvimento urbano ou regularização fundiária urbana.

Quem tem direito a escritura de graça?

Tem direito à escritura de imóvel gratuita quem recebe até 3 salários mínimos e adquire o bem pelo Minha Casa, Minha Vida. O programa social ainda oferece descontos de 75% a 100% na emissão do documento. Normalmente, o que se assegura é um desconto de 50% ou 75% no valor do documento.

Precisa de advogado para Reurb?

Se você seguiu tudo sozinho até aqui, neste momento você precisará contar com um bom advogado e de confiança para te ajudar e dar máxima segurança jurídica. Para se ter maiores informações do assunto tratado neste artigo consulte um advogado, ademais, temos uma equipe estruturada para te ajudar.

Quem não tem escritura não é dono?

A resposta curta: não. Da mesma forma que uma pessoa com escritura pode reivindicar judicialmente o imóvel, quem comprou de boa fé um imóvel sem escritura não está completamente indefeso.

O que pode impedir o registro de um imóvel?

O imóvel ter dívidas; O proprietário não tirar as certidões negativas; Irregularidades na documentação.

Quem faz a regularização fundiária?

Tanto o Ministério Público Federal, os órgãos estaduais de Terras e Meio Ambiente quanto a pessoa que tem a posse da propriedade por mais de cinco anos podem iniciar o procedimento.