6 mins read

O que é processo de reforma catalítica?

Como ocorre a reforma catalítica?

Este processo de reforma consiste em passar um catalisador (platina ou platina/rênio ou platina/ germânio) numa mistura de HC e H2 que deverão ser mantidos a uma temperatura que varia entre 470-530°C e a uma pressão entre 10-40 kg/cm².

Qual é o objetivo da reforma catalítica?

A reforma catalítica é um importante processo industrial, utilizado com a finalidade de aumentar o número de octanagem da gasolina e de produzir aromáticos que possuem alto valor comercial, tais como BTX (Benzeno, Tolueno e Xileno).
Em cache

Para que serve a reforma catalítica do petróleo?

A reformação catalítica ou reforma, como é mais conhecida, tem por objetivo principal transformar uma nafta de destilação direta, rica em hidrocarbonetos parafínicos, em outra, rica em hidrocarbonetos aromáticos.

O que é o processo de craqueamento catalítico?

O craqueamento catalítico é um processo utilizado na indústria petroquímica para converter algumas frações do petróleo que são mais pesadas (isto é, constituídas por compostos de massa molar elevada) em frações mais leves, como a gasolina e o GLP, por exemplo.

O que é a função catalítica?

Catálise é a denominação dada à reação que ocorre na presença de um catalisador. Catalisador é a espécie química que faz com que as moléculas reagentes reajam com uma velocidade maior, ou seja, eles aceleram a reação.

Qual é o nome do processo usado para separar as diferentes frações do petróleo?

destilação fracionada

O método mais básico para realizar a separação dos componentes do petróleo é a destilação fracionada. Ela é utilizada porque possui como princípio básico a diferença no ponto de ebulição dos líquidos presentes em uma mistura homogênea.

Qual a diferença entre craqueamento e reforma catalítica?

O craqueamento térmico é feito através de temperaturas e pressões elevadas. Por exemplo, para transformar moléculas de querosene, óleo diesel ou óleo lubrificante em gasolina, são usadas temperaturas entre 450ºC e 700ºC. Já o craqueamento catalítico usa apenas catalisadores, tornando o processo mais econômico e seguro.

Qual a diferença entre craqueamento e Reforma Catalítica?

O craqueamento térmico é feito através de temperaturas e pressões elevadas. Por exemplo, para transformar moléculas de querosene, óleo diesel ou óleo lubrificante em gasolina, são usadas temperaturas entre 450ºC e 700ºC. Já o craqueamento catalítico usa apenas catalisadores, tornando o processo mais econômico e seguro.

Quais são os tipos de craqueamento?

O craqueamento é realizado em colunas de fracionamento das refinarias de petróleo e existem dois tipos: o craqueamento térmico e o catalítico.

Como ocorre a catálise?

A catálise ocorre quando são usadas substâncias capazes de acelerar a velocidade em que se processa determinada reação química. Essas substâncias são os chamados catalisadores. Eles não são consumidos durante a reação, mas são totalmente regenerados ao final do processo.

Quais são os 3 tipos de catálise?

Existem quatro tipos de catálise: a catálise nucleofílica; a catálise ácida que pode ser específica ou geral; a catálise básica que também pode ser especifíca ou geral e a catálise por íon metálico.

Como é feito o processo de catação?

Catação: é o método mais simples de separação, no qual usamos as mãos ou algum instrumento como pinça ou pegadores para separar um sólido do outro. É muito utilizado no dia a dia, para escolher feijão, lentilha e outros grãos, separando-os de pedras, grãos indesejados e outros detritos antes de cozinhá-los.

Qual o processo de refino do petróleo?

Etapas do refino de petróleo

Nas refinarias, os processos físicos e químicos mais utilizados são: destilação fracionada, destilação à vácuo, craqueamento térmico ou catalítico e reforma catalítica. A seguir, explicaremos um pouco mais sobre cada um deles.

Como é o processo de craqueamento?

O processo de craqueamento, também conhecido como pirólise, consiste na quebra de moléculas de triglicerídeos (presentes em óleos e gorduras) em moléculas menores, conhecidas como hidrocarbonetos. Além de apresentarem características semelhantes ao diesel de petróleo, dão origem ao biodiesel.

Qual é o nome do processo utilizado nas refinarias?

Nas refinarias, os processos físicos e químicos mais utilizados são: destilação fracionada, destilação à vácuo, craqueamento térmico ou catalítico e reforma catalítica.

Quais as vantagens do craqueamento?

As principais vantagens da rota de craqueamento são a não produção de glicerol como subproduto, a não utilização de álcool no processo, o menor custo de investimento fixo inicial e a relativa facilidade de operação, o que torna o processo particularmente adaptável para produção de biodiesel em pequena e média escalas.

Que significa catálise?

Catálise é a denominação dada à reação que ocorre na presença de um catalisador. Catalisador é a espécie química que faz com que as moléculas reagentes reajam com uma velocidade maior, ou seja, eles aceleram a reação.

Como é feita a catálise?

Existem dois tipos de catálise: a homogénea, na qual o catalisador se dissolve no meio em que ocorre a reação (sem mudança de fase), e a heterogénea, que ocorre próximo ou na superfície entre duas fases, ou por intermédio de uma interface (por exemplo através de adsorção dos reagentes).